Quinta-feira, 04 de junho de 2020

« voltar

17/09/2018 - 15h55 / Atualizada 17/09/2018 - 17h30



Associação presta homenagem a professor da UEPG


Gilson Burigo Guimarães será homenageado durante XXV Semana de Geografia realizada na instituição


por Assessoria de Imprensa

Ocorre na próxima quarta-feira (26) a homenagem “amigo do patrimônio”, promovida pela Associação de Preservação do Patrimônio Cultural e Natural (APPAC). O evento será realizado na XXV Semana de Geografia da Universidade Estadual de Pontas Grossa (UEPG) no período da manhã no auditório do Observatório. O homenageado deste ano de 2018 é o Prof. Dr. Gilson Burigo Guimarães (foto) que, desde o início dos anos 2000, envolveu-se com estudos e ações relacionados ao patrimônio natural dos Campos Gerais.

A trajetória acadêmica de Gilson é marcada por diversas frentes: a busca pela educação de qualidade e universal, o envolvimento por discussões a respeito de questões culturais e históricas, o engajamento nas lutas por uma sociedade justa e igualitária e constantemente atuar em várias frentes de pesquisa sobre temas ambientais, além de suas ações como militante das causas ambientais, atuando em conselhos consultivos, grupos de pesquisa e extensão, entidades não governamentais entre outros espaços.

O homenageado é membro do grupo de pesquisa cadastrado no CNPq "Gestão do Patrimônio Natural" e também participou dos projetos apoiados pelo CNPq e Fundação Araucária que resultaram no livro "Patrimônio Natural dos Campos Gerais" (2007).

Além disso, também atuou nos projetos na área de Piraí da Serra, que realizaram amplo diagnóstico e proposição de empreendimentos sustentáveis para uma das últimas áreas preservadas dos Campos Gerais e fez parte da iniciativa de viabilizar o tombamento da Escarpa Devoniana (2012), junto à Coordenação do Patrimônio Cultural da Secretaria de Estado da Cultura do Paraná e, neste ano (2017), liderou a contestação ao questionável projeto de lei que visava à redução da APA da Escarpa Devoniana no estado do Paraná.

Motivos do reconhecimento

Na visão do geógrafo e membro do Grupo Universitário de Pesquisas Espeleológicas (GUPE) Henrique Pontes, a homenagem é merecida. “A homenagem da APPAC aos trabalhos desenvolvidos pelo Gilson é um reconhecimento justo e merecido.  Acompanho de perto suas atividades e ações, posso dizer com convicção que sua dedicação é ímpar e extrapola limites que poucas pessoas conseguem chegar. Sem dúvida, sua dedicação para com a Área de Proteção Ambiental, principalmente desde o final do ano de 2016, se posicionando contra o projeto de lei que prevê a redução desta unidade de conservação, já é um motivo para reconhecer o belo e importante trabalho em prol do patrimônio natural dos Campos Gerais que desenvolve”, disse.

Henrique lembrou ainda que além da luta em prol da APA da Escarpa Devoniana, os trabalhos de Gilson envolvem diversas frentes. “Lutando por uma educação de qualidade e universal, por questões culturais e históricas, por uma sociedade justa e igualitária e atuando em diversos temas ambientais”, revela Pontes.

Já na visão do arquiteto e urbanista Renato Dombrowski, “presenciar a proporção que tem tomado a mobilização social em torno de algumas causas ambientais no Paraná, a partir de suas iniciativas, não deixa dúvidas quanto ao merecido reconhecimento de seu trabalho e humanidade.”

A homenagem a Gilson pela APPAC é o reconhecimento por sua dedicação e perseverança em prol do patrimônio cultural e natural por um cidadão que evidencia e compreende o mundo em que vive e dedica parte da sua vida para a melhoria social e ecológica da região, do planeta.

As informações são de Alvaro Costa.

Campus Uvaranas - Av. General Carlos Cavalcanti, 4748 - CEP 84030-900 - GPS: 25°5'23"S 50°6'23"W
Campus Central - Praça Santos Andrade, 1 - GPS: 25°5'11"S 50°9'39"W
Fone: (42) 3220-3000 / 3220-3300 - Ponta Grossa - Paraná
Copyright © 1996-2020 - Núcleo de Tecnologia de Informação - UEPG