Domingo, 18 de novembro de 2018

« voltar

07/11/2018 - 14h33 / Atualizada 08/11/2018 - 13h30



UEPG realiza campanha de doação de sangue


por Marilia Woiciechowski

A ação voltada à sensibilização acerca da importância do ato de doar sangue registrou o trabalho de coleta de sangue no Ambulatório de Saúde do Campus de Uvaranas (Bloco M), ao longo da manhã desta quarta-feira (07 de novembro). Trata-se de campanha realizada em parceria com a Empresa Júnior de Engenharia de Materiais (EMA JR) da UEPG e o Hemepar (Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná).

A enfermeira Vanessa Ferreira dos Santos Moraes, responsável pelo Ambulatório do Campus de Uvaranas, destacou na ação a oportunidade de aprender novas técnicas e somar conhecimentos com equipe do Hemepar. “Realmente é um momento de doação ao próximo. Nós entendemos nessa ação a satisfação de ter a equipe do Hemepar na campanha da UEPG”.

O médico Ricardo Possagno, do Departamento de Medicina da UEPG, destaca na campanha o empenho em incentivar a doação de sangue que, no caso, ajuda a abastecer os bancos do Hemepar e, por consequência, salvar vidas. Sobre o número de doadores, o médico diz que surpreendeu porque atraiu presença além da expectativa. O propósito da parceria para a captação de sangue é atender às necessidades de sangue em situações emergenciais, como ressalta. Possagno também considerou o tempo da campanha que atendeu apenas das 8h às 12h, devido à suspensão do fornecimento de água, na terça-feira (06 de novembro). Mas adiantou que a campanha poderá ocorrer novamente no final de novembro ou no início de dezembro de 2018.

Importância da Parceria

A equipe do Hemepar presente na campanha da UEPG esteve em ação com Terezinha Waldmann, Maria Cleonice Ribas, Doraci Karpinski, Mauriceia Ribeiro Souza (enfermagem); Márcia Barbosa Machado (bioquímica); e André Carmo (administração). O técnico administrativo André Carmo frisou a importância do ‘Hemepar’ estar na parceria com a UEPG voltada à motivação em estimular a comunidade universitária para o significado da doação de sangue, bem como fidelizar doadores. Ele explica que foram cadastrados 40 candidatos a doação de sangue na campanha. Diz que a coleta representa em torno de 450 ml de sangue/cada bolsa.

Márcia Barbosa Machado conta que o Hemepar realiza campanhas desde 2004, e no início sempre esteve nos municípios que pertencem à 3ª Regional de Saúde. Hoje, segundo ela, a ação ocorre em Ponta Grossa, nas parcerias com o 13º BIB e a UEPG, bem como em igrejas que buscam se integrar às campanhas do Hemepar. Para ela, na UEPG, o que se traduz como importante é ver jovens se integrando à campanha. “Eles chegam como doadores e para nós é vital o incentivo para que continuem doando sangue. Nós precisamos de doadores para manter nossos estoques de sangue em níveis tranquilos, para que possamos atender a situações de emergências. A enfermeira diz que o empenho está em ter os bancos de sangue sempre com estoques altos, que são fundamentais, para salvar vidas.

Solidariedade

O acadêmico do segundo ano de Engenharia Civil, Breno Martins, ressalta a importância das campanhas de incentivo à doação de sangue. “Há algum tempo eu queria dor sangue porque significa salvar vidas. Eu vim acelerando a ideia, e hoje estou aqui para ajudar pessoas que necessitam de sangue, e contribuir para o abastecimento do banco de sangue do Hemepar”. Também do segundo ano de Engenharia Civil, Lorena Schafranski incentivou Breno a estar com ela na ação da campanha. Ela entende a importância de dar o máximo para ajudar o próximo, principalmente salvar vidas. “Eu sempre me preocupo em fazer alguma coisa em prol das pessoas. Por isso, vi a campanha como a oportunidade de doar sangue e ajudar a salvar vidas”.

Para Nicolas Alberti Gomes, do terceiro ano de Engenharia de Alimentos, doar sangue é assegurar a continuidade da vida. Diz que soube da campanha em sala de aula, quando da distribuição de folhetos e cartazes. “Foi um incentivo para eu estar aqui nessa ação de coleta de sangue. Eu penso que quem doa sangue ajuda pessoas que estão em necessidade urgente de sangue”. André Serenato Leal também cursa o terceiro ano de Engenharia de Alimentos. Ele explica que esteve para doar sangue em outra oportunidade, mas o impedimento foi tatuagem recente. “Esperei 12 meses e, agora, vou doar sangue e continuar como doador. As campanhas são importantes como espaço de incentivo à doação de sangue que ajuda as partes: quem promove campanhas, quem doa e quem recebe o sangue e a vida”.

Lorena de Fátima Mendes e Bianca Zotti, acadêmicas do segundo ano de Zootecnia, também consideram importantes as campanhas que incentivam o aumento de doações de sangue. Lorena diz que sempre quis doar sangue, mas acabava sempre adiando. Foi no incentivo de uma amiga que percebi a oportunidade de doar sangue. “Eu quis ser doadora porque é importante ajudar a salvar vidas”. Bianca considera a doação de sangue como um ato de solidariedade que ajuda outras pessoas em momentos difíceis. “Para mim, doar sangue é um gesto de amor. Ser solidário doando sangue é pensar em vidas que podem salvas”.

 


 

Campus Uvaranas - Av. General Carlos Cavalcanti, 4748 - CEP 84030-900 - GPS: 25°5'23"S 50°6'23"W
Campus Central - Praça Santos Andrade, 1 - GPS: 25°5'11"S 50°9'39"W
Fone: (42) 3220-3000 / 3220-3300 - Ponta Grossa - Paraná
Copyright © 1996-2018 - Núcleo de Tecnologia de Informação - UEPG