UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA

Terça-feira, 11 de dezembro de 2018

« voltar

04/12/2018 - 11h43 / Atualizada 04/12/2018 - 23h55



Alunos concluem curso de Monitor em Precisão na Agricultura


A seleção dos discentes é feita através da avaliação do desempenho geral de cada um na instituição de ensino.


por Assessoria de Imprensa

 

Na tarde de hoje (03), os alunos  do Colégio Agrícola Augusto Ribas da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) concluíram mais uma etapa. Três grupos apresentaram trabalhos de conclusão do curso de Monitor em Precisão na Agricultura. É o terceiro ano que o curso é ofertado em parceria com Instituto Agronômico do Paraná (IAPAR), Sindicato Rural de Ponta Grossa e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

O curso de Monitor em Precisão na Agricultura é oferecido desde 2015 às turmas do terceiro ano, com carga horária de 280 horas, além das disciplinas regulares ofertadas no colégio. Nesta  edição, devido a uma avaliação positiva dos alunos, foram acrescentadas 16 horas de conteúdos complementares, como oratória. A seleção dos discentes é feita através da avaliação do desempenho geral de cada um na instituição de ensino. O curso está dividido em quatro módulos: Gestão, Manejo Integrado de Pragas (MIP), Sistemas de Produção e Fertilidade do Solo e Manejo Conservacionista e Extensão Rural.

Alcebíades Antonio Baretta, diretor do Colégio Agrícola, explica que "o objetivo é ensinar aos jovens manejos conservacionistas, para que busquem uma agricultura produtiva e rentável aliando isto à sustentabilidade". Nesta perspectiva, a aluna Isabelle Caroline de Almeida Stefanczak, conta que "o curso foi muito importante para o crescimento pessoal e também profissional e que pretende continuar estudando, sonha em fazer o curso de Agronomia na UEPG, pois adquiriu uma boa base de conhecimento".

Para o mobilizador dos cursos do Senar, Felipe Preto Grzebielucka, o conhecimento que os alunos adquirem durante o curso contribui para uma formação que prioriza as boas práticas no campo. "Através do curso trazemos as experiências dos profissionais do Senar na tentativa de evitar as consequências do que temos acompanhado no campo, como por exemplo, o manejo e uso incorreto do solo, a erosão, a perda da camada fértil do solo e o uso inadequado de defensivos", ressalta Grzebielucka.

O aluno, Milton Kwiatkoski Junior, revela que curso que equivale a uma especialização, apesar de ser um desafio por conta da carga horária extensa, "possibilitou não apenas conhecimento mas também abriu portas para futuros empregos e até mesmo outros cursos fora do país". A pedagoga do Senar, Regiane Hornung, relata que "o Senar tem feito estudos sobre o comportamento do jovem rural deste século com intuito de  analisar as perspectivas deles e, desta forma, lançar programas condizentes com o que eles querem". "Estamos sempre em busca de reciclagem e atualização", ressalta a pedagoga.

Conforme a aluna Nádia Macoski o curso "foi uma experiência inesquecível". "Aprendemos, principalmente, por conta das saídas técnicas. Os professores nos ajudaram muito no nosso crescimento de vida. Tiveram muita consideração por nós e pelo projeto. Espero entrar na faculdade e ter um reconhecimento maior saindo daqui". O diretor do colégio, Baretta, avalia o desempenho dos alunos de forma satisfatória.

"Acompanhando a apresentação dos trabalhos dos alunos nesta tarde, percebo que valeu a pena o conteúdo extra que eles tiveram dentro do colégio. Esta experiência é um tempo muito precioso para nós e para eles no ganho de conhecimento e este ganho ninguém pode tirar" Além das autoridades envolvidas diretamente com a oferta do curso, os pais e responsáveis dos alunos acompanharam a cerimônia.

Campus Uvaranas - Av. General Carlos Cavalcanti, 4748 - CEP 84030-900 - GPS: 25°5'23"S 50°6'23"W
Campus Central - Praça Santos Andrade, 1 - GPS: 25°5'11"S 50°9'39"W
Fone: (42) 3220-3000 / 3220-3300 - Ponta Grossa - Paraná
Copyright © 1996-2018 - Núcleo de Tecnologia de Informação - UEPG